fbpx

Tem até 26 de fevereiro de 2024 para validar as suas faturas no E-Fatura! Mas como validar online as suas faturas relativas ao IRS de 2023?

É necessário que cada pessoa do seu agregado familiar tenha uma senha de acesso ao Portal das Finanças. Se ainda não tem senha aceda o Portal das Finanças e registe-se, preenchendo os dados requeridos pela plataforma.

Uma vez que, a senha de acesso é enviada para a sua morada fiscal apresse-se para que a possa receber atempadamente e validar a tempo as suas faturas.

Se já tem acesso ao seu Portal das Finanças, excelente! Assim, aceda à página inicial do E-Fatura e selecione: Despesas dedutíveis em IRS e clique em Adquirente. Note que: será necessário inserir o seu contribuinte (NIF) e senha de acesso (Portal das Finanças para aceder ao E-Fatura).

Ao entrar nesta página verificará as deduções provisórias (IRS) por cada categoria de despesas. Quando validar as suas faturas, não se esqueça de associar cada despesa ao respetivo sector (para beneficiar das deduções na educação, habitação, saúde, lares, etc.).

Mas, porque há faturas pendentes?

Os principais motivos para faturas pendentes são: ou o próprio sistema não relaciona em que categoria colocar aquelas despesas ou quando é um trabalhador independente é necessário indicar se aquela despesa foi feita a título profissional.

O que sucede se não validar as faturas pendentes?

Quando não valida as suas faturas pendentes e não as coloca na categoria certa, todas as despesas ficam inseridas como – Despesas Gerais Familiares. Quando as faturas não ficam bem categorizadas não permitem que beneficie das deduções que atenuam o IRS a pagar ou aumentam o reembolso de IRS!

Evidente que as faturas pendentes têm de ser validadas, uma por uma, logo quando existe mais do que uma pessoa num agregado familiar esta tarefa torna-se mais morosa. No entanto, como acima referido é importante para si fazê-lo.

Relativamente às receitas médicas – Categoria de Saúde – para que possa usufruir da dedução: associe as suas receitas médicas, clicando no parâmetro – Associar Receita – e introduza o valor relativo à despesa médica.


Com relação a despesas que não se encontram inseridas na plataforma E-Fatura, isto são despesas que não foram comunicadas à Autoridade Tributária (AT) registe as mesmas manualmente. Guarde sempre os documentos em papel e depois registe os mesmos no E-Fatura no parâmetro – Registar Faturas.

Por fim, não se esqueça de clicar no parâmetro – Guardar!

Não se esqueça de validar as suas faturas emitidas ao longo de 2023, no portal E-Fatura, até 26 de fevereiro de 2024, até porque validar as suas faturas traz benefícios na declaração de IRS.


Note que: quando pede fatura com o seu NIF está a ajudar a combater a fraude e a evasão fiscal.

Tal como validar as suas faturas implica uma ação sua, atingir a liberdade financeira também. A Financial Liberty, como Intermediário de Crédito vinculado junto do Banco de Portugal, intermedeia o crédito consolidado, o crédito pessoal, a transferência de crédito à habitação e o crédito habitação. Vamos falar.

Atinja a sua #LiberdadeFinanceira com a Financial Liberty. Saiba mais em: https://financialliberty.pt/.

Agenda Fiscal de Fevereiro de 2024


Este artigo foi redigido pela Financial Liberty, uma empresa da confiança dos portugueses, um Intermediário de Crédito vinculado e registado sob o n.º 0002454 junto do Banco de Portugal AUT-2018-000316. Saiba mais sobre nós!

Simule já grátis online: Crédito Consolidado Simule já grátis online: Crédito Pessoal Simule já grátis online: Crédito Habitação Simule já grátis online: Transferência de Crédito Habitação